Pular para o conteúdo

As diferenças entre malharia circular e retilínea

Entenda quais as diferenças entre malharia circular e retilínea e as características específicas de cada uma.

A arte de fazer peças em tricô originou-se das técnicas manuais, com agulhas e fios. Uma produção totalmente caseira e artesanal.

Porém, muito se evoluiu ao longo do tempo e hoje é possível ter uma produção industrial de alta qualidade e produtividade. Além da minimização de retalhos e desperdícios.

As malhas são tecidas com tramas iguais as do tricô tradicional, porém em máquinas eletrônicas.

Um dos maiores potenciais das máquinas de tricô é o poder de personalização. É possível criar blusas, calçados, cadeiras, sofás, luminárias, mantas etc.

Neste texto, compreenda qual a diferença entre a malharia retilínea e circular e quais as possibilidades em cada caso. Boa leitura!

Malharia retilínea: conceito e definição

Na malharia retilínea, o tecido de malha é produzido por máquinas eletrônicas com dupla frontura.

O fio passa por laçadas de agulhas no tear até formar a peça desejada.

O tear retilíneo funciona da seguinte maneira: o carro movimenta os guia-fios, levando o fio até as agulhas que se movimentam para dar a laçada e formar o ponto programado na malha.

As máquinas eletrônicas da Stoll, por exemplo, possuem fácil manuseio, sendo didáticas tanto para o operador, quanto para o programador da máquina.

O que é malharia circular?

A malharia circular é um tipo de confecção de tecido de malhas em trama. Ela utiliza teares circulares para produzir um tecido tubular.

No processo de tecimento, o movimento das agulhas sobrepõe às laçadas formadas. Um único fio conduz a forma das laçadas, passando por dentro das laçadas sucessivas de outro fio, e assim por diante.

Possibilitando assim, que o tecido – malha circular – tenha a forma e comprimento desejado.

É possível usar fios de diferentes diâmetros e composição, conforme a necessidade de cada peça.

O diâmetro do tear circular industrial varia em função ao número de agulhas, sendo encontrado teares grandes e pequenos.

Qual a principal diferença entre malharia circular e retilínea?

A principal diferença entre malharia circular e retilínea é: circular produz um tecido tubular, enquanto a retilínea produz um tecido aberto.

A malharia retilínea é conhecida pela produção dos seguintes itens:

• Golas
• Punhos
• Cabedais de calçados
• Blusa
• Calças
• Vestidos
• Roupas que podem sair da máquina prontas para vestir
• Capas de bancos de carros, ônibus e aviões
• Home décor
• Cadeiras, estofados, entre outras diversas aplicações.

Paramalhas + Stoll: máquinas retilíneas eletrônicas para malharias

Somos uma empresa reconhecida no mercado têxtil por oferecer muito mais que máquinas inteligentes. 

Atuamos na área de treinamentos, suporte técnico, venda de peças de reposição, assessoria em comércio exterior e suporte no desenvolvimento de produto. 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com a nossa equipe!

Fontes:

  • Um estudo do processo de desenvolvimento de produto no vestuário de moda na malharia retilínea no Brasil, por Laura Piccinini. Dissertação de Mestrado.
  • Tecnologia da Malharia

Leia mais

Preencha seus dados e ligamos para você

As diferenças entre malharia circular e retilínea

Alimentação de fio com bobinas separadas. Adequado para todos os tipos de máquinas de tricô ou para máquinas têxteis que requerem alimentação de fios com tensão constante.